Notícias de nossas escolas…

Água e Meio Ambiente são debatidos nas Escolas Estaduais

A importância do uso sustentável da Água Potável e a proteção do Meio Ambiente foram temas exaustivamente debatidos nas escolas estaduais no decorrer das últimas semanas. São atividades preparatórias da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente – CNIJMA, proposta e coordenada nacionalmente pelos Ministérios da Educação e do Meio Ambiente, mobilizando alunos, professores e comunidade das Escolas de Ensino Fundamental – Anos Finais, de Penápolis e região. O tema gerador dos debates e exposições foi “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”. Nessas atividades, as escolas enfrentam o desafio de educar para a sustentabilidade cuidando das águas e constituindo-se como um espaço educador sustentável.

De forma a dialogar, refletir e agir em prol de cuidar do Brasil cuidando das Águas, na última terça-feira, dia 27 de março de 2018, as escolas de Penápolis, EE Ester Eunice de Almeida Faria de Oliveira, EE João Teixeira Sampaio e EE Dr. Carlos Sampaio Filho e a escola de Alto Alegre, EE Expedicionário Diogo Garcia Martins realizaram a etapa escolar com seus alunos. As escolas como a EE Luiza Maria Bernardes Nory e EE Adelino Peters realizaram a conferência no dia posterior, 28 de março, outras, como a EE Joana Helena de Castilho Marques e EE Yone Dias de Aguiar promoveram este evento na semana anterior e ainda outras vão realizar nas próximas semanas.

Escola Ester Eunice

Sob o tema ”Água: ajude a preservar essa riqueza”, a EE Ester Eunice de Almeida Faria de Oliveira proporcionou a todos os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental atividades que visavam a mobilização e a participação social, sobre a dimensão socioambiental da água. Inicialmente, a professora Magali Ribeiro Belmudo, objetivando a formação de alunos no empenho em contribuir para a solução dos problemas sociais e ambientais, incentivou os alunos na busca de problemas no bairro, sendo diagnosticado que o maior problema do entorno da escola são os alagamentos. A partir destes dados, elaboraram um projeto de ação para resolução do problema encontrado e fizeram a conferência com alunos, professores, gestores, funcionários e com o advogado, consultor ambiental e especialista em gestão pública, Lourival Rodrigues dos Santos, como palestrante e convidado especial.

Palestra do Advogado Lourival Rodrigues dos Santos

O palestrante, que foi Diretor Presidente do DAEP (Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis) de 2005 a 2012, abordou a importância da água para a vida, o desperdício, o desequilíbrio ecológico e política reversa. Na plenária, os alunos fizeram proposituras de ações que pudessem sanar os problemas diagnosticados, como a construção de cisternas e necessidade do orçamento participativo, com a criação de um documento para envio na etapa estadual.

Escola João Teixeira

De forma a despertar o interesse e o engajamento dos seus alunos em ações que tenham como finalidade a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento sustentável, a EE João Teixeira Sampaio de Penápolis envolveu os alunos dos nonos e oitavos anos do Ensino Fundamental na etapa escolar da CNIJMA.

Orientados pelo professor Henrique Dziuba Ortis, no contexto da Conferência, os alunos dialogam de forma participativa sobre os problemas socioambientais locais e reconheceram a necessidade de elaborar um projeto de ação para revitalização do Córrego do Pereirinha, que avizinha a escola. A proposta em parceria a ser estabelecida com a Prefeitura Municipal de Penápolis, prevê a limpeza das margens do córrego, a capinação do terreno, instalação de ciclovia, bancos, lata de lixo reciclável e placas com informações sobre a conservação do meio ambiente e também com o disque denúncia. Este projeto visa transformar a relação dos alunos com o meio ambiente, por meio da transformação de valores, atitudes, hábitos e comportamentos em relação a um córrego de tamanha importância para o bairro.

           PCNP Neuman Pinheiro, Professor Henrique Dziuba Ortis, Lisandreia Arroio de Carvalho e alunos da EE João Teixeira Sampaio

Escola Carlos Sampaio

A CNIJMA na EE Dr. Carlos Sampaio Filho alcançou todos os seus objetivos de mobilizar e envolver toda a comunidade escolar nas discussões e nas suas atividades e, mais do que um evento, tornou-se uma grande ação educativa em prol da sustentabilidade ambiental. A escola realizou a CNIJMA, fortalecendo a parceria com as diversas entidades como o Consórcio Ribeirão Lajeado, organização que trabalha em harmonia com o meio ambiente, com o objetivo de recompor e preservar a bacia hidrográfica do Ribeirão Lajeado, único manancial de abastecimento urbano do município de Penápolis, por meio do seu coordenador José Rafael Caputo (Carioca); o Conselho de Política Urbana do município de Penápolis, por intermédio do Arquiteto Reinaldo Munhoz Morás; o Conselho de Meio Ambiente que tem como presidente Fábio Augusto Pizarini e o Centro de Educação Ambiental –  CEA do Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis – DAEP, representado pela pedagoga da unidade, Fernanda Campachi Marin.

CNIJMA na EE Dr. Carlos Sampaio Filho

Na preparação da conferência, os alunos realizaram a oficina “Árvores dos Sonhos”, em que demonstraram, através de colagem e pintura de folhas, seus desejos para o meio ambiente e a oficina “Caminho das Pedras” que teve como objetivo levar os alunos de forma lúdica a repensar suas atitudes.

Oficinas “Árvores dos Sonhos” e “Caminho das Pedras”.

 

O evento teve início com a música “Planeta Água”, cantada pelos alunos da instituição, seguido pela abertura dos trabalhos com o Diretor da Escola, Paulo Donisete Moretti.

O Coordenador do Consórcio do Ribeirão Lajeado falou sobre a importância da preservação do meio ambiente e da importância da água, momento em que disponibiliza mudas, transporte e funcionário para apoio no plantio de árvore, visando a proteção dos afluentes, atendendo à solicitação da unidade escolar.

A CNIJMA tornou-se momento de diálogo entre jovens, em que jovem educa jovem, pois a comunicação flui com mais facilidade e eles ensinam e aprendem, trocam experiências, conversam sobre o mundo e agem sobre sua própria realidade, lembrou a Professora Elizete Buranello Perez.

Fernanda Campachi Marin, Pedagoga do CEA, ressaltou que pequenas mudanças de hábitos, com o uso racional dos recursos hídricos, faz toda a diferença e em conjunto com a aluna da escola, Isabela Vitória Sardi da Silva, representante do Conselho Mirim para o Biênio abril 2018, convidaram todos os presentes para o 13° Fórum de Saneamento e Meio Ambiente.

Os professores José Ademir Richart e Marize Gaspar Fabiano defenderam a parceria que a Escola realiza com o CEA desde 2014, envolvendo os alunos em visita às nascentes, matas ciliares e o conhecimento do trabalho de manutenção dos afluentes do Ribeirão Lajeado e o preparo adequado do solo.Durante a Conferência na escola, os alunos elegeram um projeto para representar a unidade escolar, sendo o trabalho vencedor cadastrado em uma plataforma para que o melhor seja escolhido durante as próximas etapas. Ainda na conferência, ficou estabelecido que os alunos indicam os Delegados, exercendo o papel de protagonistas da ação, conforme explicou a professora coordenadora da escola, Sandra Regina Herrero Gomes.

                        Alunos candidatos a Delegados: Carlos Gallinari Franzo, Gabriel Mendes Lopes, Gabriel Fernandes Magri, Marcos Magnani dos Santos, Elioena Rafa Monteiro e Lívia Mendes de Souza.